COMUNICAÇÃO NÃO-VIOLENTA

A Comunicação Não-Violenta (CNV) é uma abordagem de aprendizado mais emocional que mental, que nos guia para fortalecermos nossas conexões com as pessoas, construindo um ambiente mais propício para experimentarmos a paz.

LAB*CNV & CATALISADORES DE MUDANÇA são iniciativas oferecendo praticas de CNV no formato de vivências, retiros e workshops.

A Comunicação Não-Violenta (CNV), criada pelo psicólogo americano Marshall Rosenberg, nos ajuda a desenvolver uma expressão mais autêntica e honesta, e ao mesmo tempo uma escuta mais empática e profunda, de maneira que conseguimos entender melhor os outros e sermos melhor compreendidos. Nos proporciona uma forma prática de lidar com conflitos, contribui para desfazer preconceitos e focar no que temos em comum uns com os outros, valorizando e celebrando as diferenças. Este foco na conexão humana tem efeitos diretos na nossa linguagem e na forma que construímos nossa realidade social conjunta. Assim, a Comunicação Não-Violenta é um processo de humanização radical e pode ser instrumento poderoso de transformação social.

A Comunicação Não-Violenta (CNV) enfatiza a importância de determinar ações à base de valores comuns, e é constantemente utilizada na co-construção de acordos. O ideal da Comunicação Não-Violenta (CNV) é conseguir que nossas necessidades, desejos, anseios e esperanças não sejam satisfeitos às custas de outra pessoa. Um princípio-chave da comunicação não violenta é a capacidade de se expressar sem usar julgamentos de “bom” ou “mau”, do que está certo ou errado. A ênfase é posta em expressar sentimentos e necessidades, em vez de críticas ou juízos de valor.

A Comunicação Não-Violenta (CNV) ajuda das pessoas a :

– Desenvolver uma mudança de foco na relação com o outro
– Enxergar além das palavras e comportamentos
– Reconhecer Necessidades Humanas Universais
– Desenvolver e exercitar a Empatia e a Escuta Profunda
– Desenvolver e exercitar a Expressão Autêntica Restauradora
– Lidar com conflitos e mensagens difíceis de ouvir